Sem categoriaEstratégias de gestão de inadimplência

25 de junho de 20210
https://tracon.com.br/wp-content/uploads/2021/06/Estratégias-de-gestão-de-inadimplência-1.jpg

Estratégias de gestão de inadimplência

 

A inadimplência nos condomínios é apontada como uma das situações mais delicadas para os administradores e síndicos resolverem.

Afinal, nem sempre os inadimplentes têm disponibilidade para fazer um acordo, sendo preciso bastante tato por parte dos administradores e síndicos para fazer as contas do condomínio voltarem ao azul.

Se você tem visto muitos casos de inadimplência no seu condomínio, então é preciso aprender métodos de gerenciamento. Os seus objetivos são:

 

  • Reduzir a falta de pagamento por parte dos moradores
  • Criar meios para incentivá-los a colocar os débitos em dia
  • Mostrar a eles as vantagens de estar sempre com a taxa condominial em dia

 

As estratégias de gestão de inadimplência que você vai aprender neste artigo vão fazer com que a quantidade de pessoas devendo taxas no seu condomínio caia e haja mais recursos para todas as despesas comuns e extraordinárias.

Veja abaixo o que deve ser feito.

 

Usar documentos para deixar claro os termos das taxas condominiais

 

Infelizmente, fica bastante difícil cobrar pessoas inadimplentes quando não se tem documentado que elas tinham ciência dos valores e das consequências.

Por isso, é importante que o condomínio prepare um documento informando os moradores sempre sobre a taxa mensal, deixando claro:

 

  • O valor
  • A possibilidade de ocorrência de rateios, que serão comunicados em reuniões e assembleias
  • As consequências para as unidades que não pagam a taxa condominial

 

Além disso, é claro que as imobiliárias também têm de incluir essas informações no momento da venda ou da locação do apartamento.

Dessa forma, será possível confirmar, em eventuais processos, que o condômino sabia exatamente o que ocorreria caso se tornasse inadimplente.

Flexibilidade: vale a pena oferecer acordos

 

Para incentivar os condôminos que estão inadimplentes, uma boa solução é dar condições para facilitar o pagamento.

Afinal, nem sempre é fácil para os moradores “acertar” três ou quatro meses de taxa condominial atrasadas, inclusive devido a problemas financeiros.

É bastante comum que esses moradores em débito se sintam muito mal por estarem com a taxa condominial atrasada e dar condições como parcelamentos ajuda a regularizar a situação deles.

Por isso, informar aos inadimples mentes quais são as possibilidades de parcelamento para que a unidade fique regular de novo junto à administradora é muito importante.

 

Ajudar o condomínio a ter outras receitas além da taxa condominial

 

Mesmo um condomínio que tenha muitos apartamentos pode acabar ficando com o seu recolhimento comprometido em algum momento pode causa da inadimplência.

Por isso, tentar garantir o fluxo de caixa com outras entradas de dinheiro que não sejam apenas a taxa condominial é uma boa forma de evitar ficar no vermelho.

Uma boa dica é a realização de festas periódicas, como a festa junina ou uma comemoração de Natal. Porém, também é possível fazer rifas entre os moradores; para facilitar, pode-se procurar o comércio do bairro e fazer parcerias: eles fornecem o que será rifado e, em troca, o nome do estabelecimento é divulgado.

Os conselheiros podem se dedicar a criar algumas formas alternativas de o condomínio conseguir mais dinheiro.

 

Estar disposto a conversar com os moradores inadimplentes

 

Infelizmente, existem alguns condomínios que não oferecem abertura para que os apartamentos com taxa condominial em atraso.

Isso, é claro, faz com que seja ainda mais difícil conseguir reverter a inadimplência: afinal, se os devedores não têm um canal para tentar parcelamentos e colocar sua situação em ordem, o condomínio segue sem receber.

Por isso, é fundamental que os inadimplentes consigam fazer contato com o síndico ou com a administradora para descobrir como eles podem parcelar as taxas atrasadas e até se existe algum desconto para o caso de quitar o débito em apenas um pagamento.

Esse contato deve ser de maneira privada, usando interfone, WhatsApp ou até ser pessoalmente, mas de forma privada.

Reforça-se que, dentre as estratégias de estão de inadimplência, ter um canal de diálogo com os devedores é um dos pontos principais.

 

Dar benefícios aqueles que pagam a taxa condominial em dia

 

Os pagamentos em dia sempre precisam ser valorizados. Apesar de ser mesmo a obrigação do condômino pagar a taxa mensal até a data de vencimento, existem inúmeros casos de inadimplência e isso faz com que os bons pagadores precisem receber algum benefício.

O condomínio pode pensar de maneira conjunta em alguma forma de presentear as unidades que não se atrasam no pagamento da taxa, como algum brinde a cada três meses de pagamento sem atraso.

Também é possível oferecer algum desconto na taxa a cada três meses. Porém, é importante que todos os proprietários estejam de acordo com essa política.

Para garantir isso, é necessário apresentar o assunto em alguma das reuniões, garantindo que ele seja mencionado na pauta e que a maioria das pessoas vote a favor.

 

Agir de forma respeitosa com os inadimplentes

 

Mesmo que os condôminos estejam inadimplentes, é fundamental que o condomínio tenha bastante respeito com relação ao gerenciamento da situação.

Independentemente da dívida, o síndico, a administradora e os conselheiros não podem constranger esses moradores. Por isso, nunca se deve fazer cobranças no meio da área comum do condomínio ou ficar fazendo comentários em grupos de moradores.

Também não se deve deixar de atender aos moradores que procuram por acordos, não importando quantas vezes isso aconteça.

É claro que o condomínio pode tomar atitudes legais a respeito das dívidas, como incluir esses débitos na prestação de contas mensal e até abrir um processo judicial.

No entanto, não se pode constranger os inadimplementos, que poderão até mesmo reverter a situação contra o condomínio.

 

Repensar a taxa condominial

 

Esse processo é complexo, mas sempre se deve considerar se a taxa corresponde realmente ao que o condomínio oferece.

Quanto mais recursos, como piscina, elevador, estacionamento coberto, sistema de segurança, parquinho, etc., maiores justificativas para que a taxa condominial seja mais alta.

Porém, condomínios mais simples precisam ficar atentos ao valor: os moradores podem alegar que ele não se justifica.

Para dar ao seu condomínio mais segurança na gestão de inadimplência, conte com a Tracon, que é uma administradora com serviços especializados.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *